Notícia

Setor da construção civil teve pequena reação em 2017, avalia sindicato

02/01/2018

Expectativa é positiva para 2018, mas cita falta de investimentos para financiamentos

O setor da construção civil em Mato Grosso do Sul teve pequena reação em 2017, e a expectativa é que haja uma melhora significativa para 2018. Esta foi a previsão feita pelo presidente do Sindiconstru-CG ( Sindicato do Comércio Varejista de Materiais de Construção de Campo Grande), Fabiano Lopes.

O sindicato divulgou que o crescimento no Estado chegou apenas a 1% neste ano, tendo uma pequena melhora no segundo semestre. "A economia reaqueceu e com a queda dos juros, o pessoal começa a tirar dinheiro de aplicação para investir na construção. Estamos otimistas para 2018, mas o grande problema é a falta de recursos para financiamento", descreveu.

Ele cita principalmente os pequenos varejos que vendem os imóveis do programa federal, "Minha Casa, Minha Vida". Entram neste cenário ainda os interessados em fazer reforma, para ampliar o imóvel adquirido. Uma das formas de medir esta situação é por meio dos Indicadores Imobiliários Nacionais.

A Câmara Brasileira da Indústria da Construção tem divulgado desde 2016, de forma trimestral, os dados referentes ao mercado imobiliário de lançamentos residenciais, em todo Brasil. A intenção destes mecanismos (indicadores) é apoiar as pesquisas existentes nas entidades, para consolidar os dados nacionais.

Fonte: Campo Grande News